Inscrições abertas – Oficinas de Interpretação e Produção de Vídeos

O Instituto Anísio Teixeira, através do programa de Difusão de Mídias e Tecnologias Educacionais – Rede Anísio Teixeira, inscreve, até o dia 07/07, estudantes e professores da rede estadual de ensino nas oficinas de Interpretação e Produção de Vídeos Estudantis.

interp-prod-video-est

Fig.1: Banner de divulgação. Arte: Josymar Alves

Com carga horária de 40h e objetivando a preparação adequada ao exercício da interpretação e da produção audiovisual nas escolas, a programação conta com conteúdos que contribuem para atividades de apreciação fílmica, produção cinematográfica e audiovisual, assim como o teatro.

Vagas e Inscrições

Estão sendo ofertadas 60 vagas. Sendo 30 vagas para a oficina de Interpretação Cênica e 30 vagas para a oficina de Produção de Vídeos Ficcionais. Para realizar a inscrição o candidato deve ler na íntegra a chamada pública e preencher a ficha de inscrição da oficina de interesse, respondendo atentamente a cada item.

Clique no link para acessar a ficha de inscrição:

Oficina interpretação cênica: http://bit.ly/290CfAB

Oficina produção de vídeos ficcionais: http://bit.ly/292YYwn

Resultado

O resultado da seleção será divulgado no Portal da Educação (www.educacao.ba.gov.br), no Blog Professor Web (www.oprofessorweb.wordpress.com) e também através de contato via e-mail e/ou telefone, até o dia 8 de julho.

Local e período da formação

A formação ocorrerá no Colégio Estadual Luiz Pinto de Carvalho, localizado R. Ana Mariani Bitencourt, S/N – São Caetano (final de linha), Salvador – BA.

Os encontros acontecerão de 11 a 22 de julho de 2016 (segunda a sexta-feira, no turno vespertino).

Maiores informações pelo e-mail: rede.anisio@educacao.ba.gov.br ou pelo telefone 71 3116-9061.

Mobilização com crianças levará mais de 10 mil bonecos de pano ao Campo Grande

Movimento organizado por crianças, educadores, famílias, escolas e outras instituições, para ocupação dos espaços públicos da cidade, com segurança.

 Dia 12 de outubro os soteropolitanos estarão envolvidos em mais um evento que marca as mobilizações em prol do mês da criança. Este, em especial, organizado por crianças, famílias e educadores em parceria com a RedSOLARE Brasil, uma associação em defesa da cultura da infância e de difusão da prática educativa de Reggio Emilia – Itália, com o objetivo de chamar a atenção da população para a necessidade de ocupação dos espaços públicos da cidade, com segurança.

Entre os meses de agosto a outubro, a sociedade esteve convidada a escutar as crianças, em oficinas de produção de bonecos, símbolos que representarão os cidadãos soteropolitanos e todos aqueles que visitam Salvador. A campanha ganha momento de destaque no Ato Público que será realizado no próximo sábado (12/10), na Praça do Campo Grande. Oficinas acontecem nas escolas do Grupo Gestor da RedSOLARE na Bahia, sendo públicas e privadas: CMEI Almir Oliveira, CMEI Cid Passos, Escola Casa da Infância, Escola Colmeia e Escola Nossa Infância. As oficinas também estão sendo produzidas nas escolas que acreditam na proposta e são parceiras da mobilização. Para a sociedade civil, a ESSE Consultoria, instituição que também faz parte do grupo gestor, organiza oficinas públicas em diversas partes da cidade, tendo destaque para a Livraria Cultura, Rio Vermelho e Ribeira. A última oficina pública acontecerá um dia antes do ato público, no Centro Cultural da Câmara de Vereadores.

Esta mobilização tem a intenção de chamar a atenção da sociedade para o abandono e a violência nas ruas da grande morada e refletir sobre o espaço da criança na cidade de Salvador. No dia 12/10, às 9h, a cidade será habitada e criará uma rica atmosfera de paz, traduzida pela presença da infância e com a força da liderança das famílias e instituições de educação. Será formado um tapete com os bonecos feitos pelas crianças, famílias e educadores para comunicar que a cidade precisa ser cuidada por todos, precisa ter seus espaços públicos ocupados, em um clima que contagia, cultiva a esperança, acredita na mudança. O momento também será marcado por jogos e brincadeiras, além de apresentações culturais protagonizadas pelas crianças.

Bonecos de pano foram escolhidos como símbolos de paz e esperança e toda uma rede foi convocada a entrelaçar linhas, tecidos e agulhas para materializar mensageiros da paz. Em 2012 foram construídos 5.000 bonecos e o movimento aconteceu na Praça Municipal de Salvador. Em 2013 a meta é dobrar este quantitativo na Praça do Campo Grande. O PRESENÇA ganhou dimensão e notoriedade, hoje com adesão de coordenadores em 22 cidades brasileiras e envolvimento em 17 países, em especial na América Latina com destaque para os atos públicos já realizados em Colômbia (abril/2013), Argentina (agosto/2013) e Costa Rica (setembro/2013).

 Ao dialogar com a experiência educativa de Reggio Emilia, encontramos inspiração e vemos as possibilidade de fazer educação para a infância com qualidade. A partir disso, construímos relações que fazem mais pela nossa realidade e promovem ações que resultam numa infância bem vivida pelas nossas crianças. O PRESENÇA é um exemplo disso!”, destacou Marilia Dourado, representante do Brasil na RedSOLARE e no Network da Reggio Children.“As crianças têm ideias e olhares surpreendentes sobre a cidade, sua condição, estrutura e organização.Esta mobilização ganha força com as crianças porque garantimos momentos para escutar e valorizar suas vozes, vez e ideias, apoiando-as em ações que deem visibilidade a uma campanha da Criança na sua FELIZcidade! A participação e engajamento de todos é fundamental.A ideia é que cada família faça bonecos e mobilize vizinhos e amigos para participarem desta iniciativa”, completou a educadora.

Informações:

http://presencanomundo.blogspot.com.br/

https://www.facebook.com/AusenciaGeraViolencia

 

Centro Juvenil abre inscrições para oficinas

O Centro Juvenil de Ciência e Cultura (CJCC) inicia hoje, (terça-feira, 23/07) e segue até o dia 02 de agosto, as inscrições para oficinas. Poderão fazer as inscrições os estudantes do ensino médio, matriculados na rede estadual de ensino.

Atelier Coletivo Vision – CJCC

O CJCC é uma iniciativa de educação integral da Secretaria da Educação do Estado da Bahia, que visa ampliar o acesso da juventude baiana às temáticas contemporâneas na perspectiva de consolidar a sua capacidade de fazer nexos interdisciplinares, potencializando a compreensão de fatos, questões, invenções, avanços e conquistas científicas, sociais, culturais, artísticas e tecnológicas da humanidade.

Conheça as oficinas e faça a sua inscrição aqui!

FONTE:  http://estudantes.educacao.ba.gov.br/noticias/centro-juvenil-abre-inscricoes-para-oficinas

Festival de música e cultura digital – Inscrições abertas e gratuitas

Olá!

Entre os dias 1º e 5 de fevereiro a capital baiana será palco do Festival de música e cultura digital – Digitalia. O evento, que é uma realização da comunidade Audiosfera, conta com patrocínio e apoio da iniciativa pública e privada e tem inscrições gratuitas até amanhã(31/01).

Durante o festival serão realizados cursos, conferências e oficinas, bem como apresentações de trabalhos, “geração de conteúdo para difusão via WEB, como videoconferências, textos e músicas, produzidos de forma colaborativa pelos participantes do evento; Promoção de intervenções musicais e multimídia”.

Mais informações na site oficial do evento – Clique aqui!

Quem for ao Digitalia poderá conferir também diversas atrações artísticas, com a presença de personalidades da música nacional e internacional, a exemplo do cantor baiano Gilberto Gil e o rapper paulista EMICIDA.

Abraços!

Fonte: http://digitalia.com.br/

Crianças experimentam diversas linguagens artísticas nos museus do IPAC

A partir da próxima terça, 25 de outubro, os espaços vinculados à Diretoria de Museus do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (Dimus/IPAC) promovem uma série de atividades voltadas para o público infantil. O projeto “Crianças criando” inclui a realização de oficinas de pintura, brinquedo, argila e origami e apresentação de teatro e circulará por cinco museus da capital, até 30 de novembro: Museu de Arte Moderna, Palacete das Artes Rodin Bahia, Museu de Arte da Bahia, Solar Ferrão e Palácio da Aclamação.

A ação, organizada pelo Núcleo de Ações Socioculturais e Educativas da Dimus (NASCE) em parceria com o Núcleo de Arte Educação do MAM e os Setores Educativos do MAB e Palacete das Artes, visa fortalecer a relação entre o público infantil e os espaços museais. Para a diretora de museus do IPAC, Maria Célia T. Moura Santos, há uma carência de atividades lúdicas voltadas para as crianças nos museus do Estado. “Esse projeto vem com o objetivo de ouvir e perceber as necessidades desse público, ressignificando junto a ele o conceito de museu e construindo a partir daí políticas culturais que incluam esse setor”, declarou.

As oficinas irão acontecer de terça a sexta e aos domingos, sempre das 14h às 17h. Cada dia da semana é dedicado a uma atividade específica. Nas terças, acontecem as oficinas de pintura, que serão ministradas pelo artista plástico Anderson Marinho. Nas quartas, a arte-educadora Eliete Teles promove oficinas de brinquedo. Nas quintas-feiras, a artista plástica Adriana Araújo trabalha com a criançada a modelagem em argila. Durante as sextas, o momento é de aprender a técnica de fazer origami, com a arte-educadora Carolina Vieira. E nos domingos, artistas da escola de Teatro da UFBA divertem a garotada no Palacete das Artes, Museu de Arte da Bahia e Solar Ferrão com a peça “Na trilha do sol”.

As ações não serão realizadas nos feriados de Finados (02.11) e da Proclamação da República (15.11), mas os museus estarão abertos à visitação, com exceção do Palácio da Aclamação, que está fechado para reformas. As cinco atividades foram escolhidas a partir da necessidade de trabalhar de forma lúdica e criativa com o universo infantil nos museus, valorizando o patrimônio cultural das crianças e suas formas de expressão.

Todas as oficinas serão gratuitas e têm como público alvo crianças entre seis e doze anos. As inscrições devem ser feitas através dos telefones: (71) 3116-6740 (para oficinas no Solar Ferrão e Palácio da Aclamação), (71) 3117-6986 (para oficinas no Palacete das Artes), (71) 3117-6994 (para oficinas no MAB) e (71) 3117-6141 (para oficinas no MAM).

Confira a programação:

Palacete das Artes Rodin Bahia
25 a 28 e 30 de outubro e 20 de novembro

Museu de Arte da Bahia

01, 03, 04, 06, 27 e 30 de novembro

Solar Ferrão
08 a 11 e 13 de novembro

Palácio da Aclamação
16 a 18 e 29 de novembro

Museu de Arte Moderna
22 a 25 de novembro

Gratuito

Fonte:http://www.cultura.ba.gov.br/2011/10/20/criancas-experimentam-diversas-linguagens-artisticas-nos-museus-do-ipac/