2013 motivos para ser feliz

Olá, pessoal!

Passamos por um ano de intensa colaboração e interação!

Neste espaço estamos construindo uma verdadeira rede de troca de conhecimentos e união de saberes. 2012 foi mais que especial para nós, pois ficou evidenciado aquilo em que já acreditávamos: o trabalho colaborativo é mais proveitoso e eficaz.

Nos emocionamos e aprendemos mais com o artifício da 7ª arte no Cine PW, que todas as quartas-feiras nos apresentou temáticas diferentes para serem debatidas. Fomos agraciados com a homenagem dos(as) estudantes do Colégio Estadual Helena Celestino Magalhães, que fizeram a versão rock do Rap do Professor Web. Sentimos de perto o calor e energia da juventude estudantil na Caravana Digital no Colégio Góes Calmon. Alcançamos marcas consideráveis, a exemplo do post comemorativo do Aniversário de 463 anos de Salvador, que se tornou uma referência sobre o tema na internet e chegou a ocupar o 1º lugar nos resultados das pesquisas, bem como o Mês da Consciência Negra, em novembro, no qual nosso blog é também um dos destaques da web. Ficamos mais conscientes com relação a temas importantes para a sociedade, como a violência contra as mulheres, o preconceito e a intolerância social, sexual, racial, religiosa – assuntos que devem sempre estar nas rodas de conversa, nos planos de aula, nas premissas ideológicas e cientificas, pois sabemos que só através do debate incessante poderemos viver juntos(as), igualitariamente.

PW-RETRO-2012

Desejamos a cada um(a) de vocês realizações e prosperidade no ano que iniciará, que continuemos juntos(as) buscando formas de fazermos e vivermos a Educação plena pois, assim como disse o eterno educador Paulo Freire“Se a educação sozinha não pode transformar a sociedade, tampouco sem ela a sociedade muda.” Seguimos, assim, com o ideário de mudança e transformAÇÃO por meio dela!

Abraços!

Anúncios

Uma sociedade Intercultural – Programa Identidades / TV Anísio Teixeira

Olá, amig@s!

As contribuições dos diversos povos que formaram o nosso país nos tornou interculturais, sendo assim, esse aspecto é crucial para entendermos o quão enriquecida é a nossa sociedade, visto que as manifestações culturais, sejam elas artísticas, literárias, teatrais, etc; contribuem na construção da identidade dos sujeitos que são oriundos dela.

É praticamente impossível delimitar ou tentar impor conceitos às pessoas que bebem das mais diversas fontes na busca do saber, que pode ser popular ou científico, pois ao mantermos nossas mentes abertas às diversidades e ao conhecimento, estamos nos permitindo ver o mundo de maneira intensa e proveitosa.

E já que estamos falando de cultura, conhecimento e vivências, vamos conferir na TV Anísio Teixeira o programa Identidades, que “funciona como um grande festival de arte, vitrine das diversas expressões artístico-culturais do Estado da Bahia.” e pode ser acessado a qualquer momento no Ambiente Educacional Web.

Para assistir, cliquem aqui ou na imagem abaixo!

Abraços, pessoal!

A mente que se abre a uma nova ideia jamais voltará ao seu tamanho original.”

(Albert Einstein)

Fonte: http://ambiente.educacao.ba.gov.br/, http://www.iat.educacao.ba.gov.br/TVAT

I Semana do Professor – As Tecnologias e a educação

Olá, pessoal!

Tudo bem?

Atualmente vivemos a chamada era das tecnologias, que mudou significativamente em diversos aspectos a forma com que nos relacionamos com o mundo. Visto que a maior parte de nossas ações está diretamente ligada a esses fatores, ainda que não que sejamos obrigados a dominar ou de alguma forma acompanhar essa frenética evolução, em muitos casos, ao não nos adaptarmos a essa nova realidade, acabamos sendo excluídos de alguns processos inerentes a esse fato.

Esse tema é de expressiva importância na área que é um pilar da sociedade: a educação. Muitos(as) professores(as) têm a tecnologia como uma grande aliada, pois esta auxilia, dinamiza e favorece a construção e aplicabilidade de diversos conteúdos. Visto que o número de informações que os(as) estudantes acessam é cada vez maior e como é comum vermos crianças com grande conhecimento em informática, os(as) educadores(as) que ainda não tem intimidade com essa prática vem buscando se aprimorar afim de não se distanciar dessa evolução, bem como atualizar a suas praticas pedagógicas.

Acerca deste assunto conversamos com Marta Cristina Dantas Durão Nunes, coordenadora do Curso Técnico de Informática do Colégio Estadual Bolívar Santana.

Equipe ProfessorWeb – Qual a sua relação, enquanto professora, com as tecnologias de informação e comunicação (TIC) em sala de aula?

Marta Cristina – Num mundo onde a informação e o conhecimento são, cada vez mais, a principal fonte de transformações da sociedade, torna-se obrigatório usar as novas tecnologias também na educação. Educar com novas tecnologias é um desafio que até agora não foi enfrentado com profundidade. Temos feito apenas adaptações, pequenas mudanças, estamos aprendendo, fazendo. Os modelos de educação tradicional não nos servem mais, por isso é importante experimentar algo novo em cada ano, pouco a pouco iremos avançando e mudando. O professor deste novo século não pode simplesmente deixar o tempo correr, sem observar as mudanças que lhe estão sendo impostas.

Continue Lendo “I Semana do Professor – As Tecnologias e a educação”

I Semana do Professor

Olá, pessoal!

 

Iniciamos uma semana mais que especial!

A partir de hoje (08) e até o dia 15, prestaremos a nossa justa homenagem àqueles(as) que se dedicam a construir e compartilhar o conhecimento conosco – Os(as) professores(as)!

Neste espaço publicaremos diariamente matérias que abordarão, dentro da temática, assuntos relevantes não apenas para os discentes baianos, mas para toda a comunidade escolar, tais como: a saúde do profissional da educação, experiências positivas, a relação educador/educando, o uso das tecnologias com foco educacional, violência nas escolas, etc.

Este é um momento oportuno para refletirmos um pouco mais sobre a real importância desses(as) profissionais  na formação dos cidadãos(ãs) e consequentemente na  construção de uma sociedade justa e igualitária.

Como a nossa rede é colaborativa e estabelecida por meio de nossa interação, convidamos vocês para, junto conosco, por meio do blog na categoria Dê a ideia! e pelas nossas redes sociais (Orkut, Facebook, Twitter), celebrarmos aos(às) que de alguma forma marcaram as nossas vidas.

Deixamos os nossos sinceros e afetuosos agradecimentos, em sinal de respeito a todos(as) que, assim como o eterno educador Paulo Freire, acreditam que é impossível falar em educação sem AMOR.

Abraços!

Dica de repositório

Olá, turma!

Tudo certo?

Todos(as) nós sabemos a importância do conhecimento no processo de ensino-aprendizagem ao longo da vida, não é verdade?

Mais do que nunca, precisamos estar atentos aos acontecimentos não só da sociedade em que vivemos, como no âmbito internacional, pois é certo que sempre é tempo de aprender.

A todo instante recebemos uma gama de informações sobre variados temas que muitas vezes nos chamam a atenção, no entanto nem sempre é possível apreciar em detalhes por conta da dinâmica cotidiana.

Pensando nisso estamos trazendo uma série do links contendo materiais que vão auxiliar vocês na hora dos estudos, e o legal é que estão livres para download, facilitando o acesso a livros, textos, revistas, entre outras fontes.

Hoje nós convidamos vocês para conhecer Brasiliana USP, repositório que contém um rico acervo documental, com informações acerca do Brasil e do mundo. São conteúdos que atendem aos diferentes públicos, devido a diversidade de temas disponíveis.

Não deixem de conferir, pois certamente haverá um assunto do seu interesse.

Valeu, pessoal.

Até a próxima dica!!!

Biblioteca Virtual 02 de Julho – preservando a memória da Bahia

Fala, pessoal!

Já pensou em ir à biblioteca sem precisar sair de casa?

Legal, não é? Imaginem então ter acesso a conteúdos históricos que ajudam a preservar a memória do povo baiano…

Estamos falando da Biblioteca Virtual 02 de Julho. Lá vocês vão encontrar um vasto acervo disponível, através do qual é possível conhecer melhor a História da Bahia, além de possibilitar um alcance maior no número de pessoas, o que é fundamental para que se tenha uma compreensão coletiva sobre acontecimentos memoráveis da nossa terra.

São materiais que estão sob o domínio público e podem ser baixados livremente.

A importância desta biblioteca é sobretudo porque ela contribui para preservar a memória do povo baiano, garantindo que este conhecimento esteja a disposição de todas as pessoas. O acesso a estes documentos é uma forma de conscientizar as pessoas e contribuir com reflexões sobre o seu passado, além de possibilitar uma ponte com o presente, de forma que haja sempre um legado histórico para as gerações futuras.

Estamos vivendo e construindo a história que as futuras gerações irão contar sobre o nosso tempo. Que história você quer escrever ou que seja escrita nos futuros livros?

É isso aí, galera: conhecer a nossa história é manter vivo nosso maior patrimônio, a memória de todos(as) nós!

Visitem a biblioteca e descubram o que ela tem pra contar sobre a Bahia e os(as) baianos(as).

Abraços!!

Mestre Pastinha – Uma vida dedicada à Capoeira

Alô, galera esperta!

Estou aqui hoje para lembrar o nosso grande Vicente Ferreira Pastinha ou como era conhecido por todos: Mestre Pastinha, que estaria comemorando mais um aniversário, se estivesse aqui.

Segundo ele mesmo contava, aprendeu a arte da capoeira com a sorte – quando ainda era um garotinho, vivia brigando com outro menino da sua rua e saía sempre perdendo na disputa. Foi quando um velho africano de nome Benedito, que observava suas brigas, lhe chamou para aprender o verdadeiro jogo da capoeira.

A partir daquele momento a vida Pastinha ganhou um outro sentido, através dos ensinamentos do seu mestre Benedito, ele aprendeu muitas coisas acerca da vida, sobretudo os valores imprescindíveis para se tornar o grande disseminador desse que é um importante instrumento da resistência física e cultural de matriz africana.

No decorrer do processo de aprendizagem, ele frequentou as aulas no Liceu de Artes e Ofício, onde também aprendeu sobre pintura, frequentou a Escola de Aprendizes Marinheiros dos 13 aos 21 anos, lá ensinou os truques capoeirísticos para os colegas, causando espanto e admiração do todos. E mesmo quando a capoeira passou a ser considerada crime previsto no código penal da república, Pastinha não se afastou dessa prática, transferindo seu talento aos mais jovens ainda que na clandestinidade.

Chegou a publicar um livro, chamado “Capoeira de Angola”, fundou sua primeira academia em 1941, que era o Centro Esportivo de Capoeira Angolano Largo do Pelourinho, onde passou seu conhecimento aos alunos de forma disciplinada e organizada – como um verdadeiro conhecedor daquela atividade, ele viajou para várias partes do país levando toda sua genialidade, ganhando respeito e prestígio por onde passava.

É por tudo isso que falar de Pastinha, é lembrar de quem fez da capoeira uma razão de viver, cujo fascinante legado se perpetua, transmitindo conhecimento e sabedoria a outros meninos em novas rodas de capoeira.

 

Salve o nosso mestre!!!!

 

FONTES: WIKIPÉDIA

Aprender é divertido – Ambiente Educacional Web

Olá! Tudo bem?                                                                                                                                                                                                   

Férias escolares chegando, descanso, diversão e muito conhecimento.

Conhecimento? Isso mesmo!

Aprender é divertido até nas férias e para entrar no clima, te convido para um passeio nos conteúdos multimídia ( softwares, vídeos, áudios, experimentos, documentos, entre outros) do Ambiente Educacional Web.

O Ambiente Educacional Web é um espaço pedagógico multidisciplinar criado pela Secretaria de Educação da Bahia, para que estudantes e professores possam acessar, compartilhar e construir conhecimentos por meio das novas tecnologias da Internet.

Então vamos começar o nosso passeio viajando no mundo da Matemática?

Entre vários conteúdos desta matéria que estão inseridos no ambiente, sugiro começarmos pelo vídeo O Mágico das Arábias, que tem como objetivo apresentar uma aplicação curiosa de operações aritméticas, reforçar o sistema decimal, mostrar outros sistemas numerais com base diferente.

Vamos juntos nessa aventura?

Clique aqui para assistir o vídeo

Saiba mais sobre o Ambiente Educacional Web: clique aqui!

Abraços!

Gincana de conhecimentos comemora 42 anos de Colégio Estadual

De terça (27/9) a sexta-feira (30/9), acontece, no Colégio Estadual Brigadeiro Eduardo Gomes (CEBEG), no bairro do Matatu, em Salvador, a 1ª Gincana de Conhecimentos. O evento faz parte das comemorações pelos 42 anos da unidade de ensino e vai reunir professores, alunos e funcionários com a finalidade de construir o conhecimento de forma lúdica, integrada e interdisciplinar.

Os estudantes vão participar de uma competição organizada em diferentes fases, nas quais os conhecimentos das diversas disciplinas curriculares serão exigidos. Ainda no evento, vai acontecer ação em homenagem aos professores aposentados e uma homenagem póstuma ao professor Jurandir Rodrigues de Souza, que emprestará o nome à biblioteca da unidade escolar.

“Temos inovações na forma de organizar uma gincana. Dividimos as equipes em três grupos, que vão responder questões, procurar chaves escondidas e, somente depois, executar as tarefas. Também estamos realizando toda a atividade dentro da própria escola, e arrecadando alimentos para instituições de caridade”, disse a diretora Neide Maria Azevedo.

Para o estudante Wallace Lima Ribeiro, aluno da 8ª série, a atividade é inovadora e muito interessante. “Nunca tivemos esta experiência aqui na escola. Todos os estudantes estão gostando muito da experiência, que é bem moderna. A gente também combina para passar nas casas próximas e arrecadar alimentos para as instituições de caridade”, disse.

Fonte: http://www.educacao.escolas.ba.gov.br/node/2778