Desafio – Labirinto e literatura

Olá, pessoal!

Ainda estamos em clima de Dia das crianças. Que tal participar de mais um desafio com o PW?

Anúncios

Inscrições do prêmio Vivaleitura 2012 vão até 29 de setembro

Estão abertas até o dia 29 de setembro as inscrições para a sétima edição do Prêmio Vivaleitura, realizado pela Fundação Biblioteca Nacional (FBN/Minc). Em 2012, a iniciativa oferecerá um total de R$ 540.000 em dinheiro a instituições comprometidas com o fomento à mediação da leitura em todo o território nacional e a valorização do hábito de ler na conquista da cidadania plena.

O Vivaleitura é dividido em três categorias. Em “Bibliotecas públicas, privadas e comunitárias”, concorrem experiências desenvolvidas em bibliotecas de acesso público sem ligação com instituições de ensino. Trabalhos realizados em colégios públicos e particulares sob responsabilidade de professores, diretores, bibliotecários ou coordenadores enquadram-se na categoria “Escolas públicas e privadas”. Bibliotecas ligadas a faculdades ou universidades juntam-se a ONGs, pessoas físicas e instituições sociais em “Sociedade”, categoria que avalia iniciativas formais ou informais executadas na área da leitura, por cidadãos vinculados às ONGs e instituições sociais.

A comissão selecionará 18 projetos finalistas a serem contemplados com diploma e troféu Vivaleitura. Os seis vencedores de cada categoria receberão prêmios no valor de R$ 30 mil. Além disso, as iniciativas indicadas para a Menção Honrosa “José Mindlin” ganharão diploma e medalha. A cerimônia de premiação acontece em dezembro.

As inscrições são gratuitas e poderão ser feitas via internet, pelo site www.premiovivaleitura.org.br, ou via postal, como carta registrada, com Aviso de Recebimento (AR) endereçado a PRÊMIO VIVALEITURA / Fundação Biblioteca Nacional, Av. Rio Branco, n° 219 – Centro, CEP 20040-008 Rio de Janeiro- RJ. Os trabalhos enviados pelos Correios deverão conter a ficha de inscrição que se encontra no site www.premiovivaleitura.org.br devidamente preenchida e anexada ao trabalho. Só serão aceitos os trabalhos com data de envio da documentação dentro do prazo estabelecido, sendo considerada a data de envio pela internet ou a postagem indicada pelo carimbo dos Correios, na data da expedição.

Com abrangência nacional, o Vivaleitura já reuniu mais de 13 mil iniciativas de incentivo à leitura desde 2006, ano da sua criação. Os números refletem o compromisso de pessoas e instituições de todo o país com a formação de leitores. A enorme coleção de trabalhos inspira políticas púbicas na área de educação e colabora no planejamento de ações do Programa Nacional do Livro e da Leitura.

O Prêmio VIVALEITURA é uma realização da Fundação Biblioteca Nacional, com a coordenação e execução da Organização dos Estados Ibero-americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura – OEI, em conjunto com o Ministério da Educação, em parceria com a Fundação Santillana, a Fundação Banco do Brasil, o Conselho Nacional de Educação (CONSED) e a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (UNDIME).

Fonte: http://www.educacao.escolas.ba.gov.br/node/3705

Atividades literárias movimentarão bibliotecas e Campo Grande neste fim de semana

A programação literária neste fim de semana está cheia de atividades na Biblioteca Infantil Monteiro Lobato, no Largo do Campo Grande e na Biblioteca Pública Thales de Azevedo. Oficinas, teatro e feira de livros compõem a grade de atrações para o público.

CDs usados, tintas e tesoura são as ferramentas que os aprendizes irão utilizar na oficina de mandalas. A atividade cultural acontecerá amanhã (30), às 10h e 15h, na Biblioteca Thales de Azevedo (Costa Azul). A oficina é direcionada para jovens e adultos e tem como proposta utilizar materiais recicláveis para transformar em objetos criativos.

Em homenagem ao centenário do escritor Jorge Amado, será realizado nesta sexta-feira (31), às 10h, na Biblioteca Infantil Monteiro Lobato, a oficina de arte literária para crianças. A atividade consistirá na contação do livro do escritor A bola e o goleiro, após isso, as crianças desenharão os personagens da história narrada.

A peça infantil baseada na obra do escritor Jorge Amado A Bola Apaixonada, encerra sua temporada neste domingo (2), às 15h, na Biblioteca Infantil Monteiro Lobato (Nazaré). O enredo da peça narra a história da bola Fura-Redes, a mais disputada por todos os grandes jogadores, e o goleiro Bilô-Bilô, considerado o pior dos goleiros. Após o encontro dos dois, algo inusitado acontece. A bola se apaixona por seu principal inimigo. Baseado no livro A bola e o goleiro de Jorge Amado.

Instalada sempre no 1° domingo de cada mês e com livros a preços acessíveis acontecerá neste dia  (02), das 9h às 17h, a Feira Mensal de Livros, no Largo do Campo Grande. Na ocasião, haverá o lançamento de três publicações, sendo elas, Carta ao Presidente – Brasileiros em busca da cidadania, publicação escrita por 45 autores, Um Marinheiro do Brasil na 2ª Guerra Mundial – Verdades Que a História Ainda Omite, do escritor feirense Antonio Moreira Ferreira, conhecido como Antônio de Lajedinho, e o livro Urbanos, Humanos, Estranhos…, uma obra de contos e livres comentários, da escritora, atriz e produtora artística Maria Prado de Oliveira.

MAIS INFORMAÇÕES:

Oficina de mandalas na Thales
SERVIÇO
Onde: Biblioteca Pública Thales de Azevedo (Costa Azul)
Quando: Quinta-feira, dia 30 de agosto às 10h e às 15h.
Grátis

Arte literária na Monteiro Lobato
SERVIÇO
Onde: Biblioteca Infantil Monteiro Lobato (Nazaré).
Quando: Dia 31 de agosto (Sexta-feira), às 10h.
Grátis

Oficina de mandalas na Thales
SERVIÇO
Onde: Biblioteca Pública Thales de Azevedo (Costa Azul)
Quando: Dia 30 de agosto (Quinta-feira) às 10h e às 15h.
Grátis

A Bola Apaixonada encerra temporada na Monteiro Lobato
O quê – Espetáculo teatral A Bola Apaixonada,
Quando – Dia 02 de setembro, (Domingo), 15h.
Onde – Teatro da Biblioteca Infantil Monteiro Lobato (Nazaré)
Grátis

Programação de Feira contará com lançamentos
O quê – Feira Mensal de Livros –

Quando – Dia 02 de setembro (Domingo), das 9h às 17h,

Onde. Largo do Campo Grande

Grátis

 

Fonte: http://www.cultura.ba.gov.br/2012/08/29/atividades-literarias-movimentarao-bibliotecas-e-campo-grande-neste-fim-de-semana/

A casa da Bahia – Instituto Geográfico e Histórico da Bahia

Olá, pessoal!

Conhecer os movimentos socioculturais do local em que vivemos nos propicia um novo olhar diante dos fatos que nos cercam, onde, ao inferirmos sobre as questões sociais, políticas e históricas que norteiam o nosso cotidiano, geram uma interação diferenciada na sociedade, fortalecendo as nossas ações e vivências.

Desta forma, hoje a nossa indicação é mais que pertinente!

Querem conhecer de perto e participar da cena cultural da nossa cidade?

Então, visitem o Instituto Geográfico e Histórico da Bahia.

 Atualmente localizado numa tradicional avenida da capital baiana, a Sete de Setembro, o Instituto que fora fundado no dia 13 de maio de 1894 e teve sua sede em diversos locais, tais como o prédio da Santa Casa, a Praça do Terreiro de Jesus, o Instituto Médico-Legal Nina Rodrigues (provisoriamente), entre outros, arquiva documentos históricos, desde manuscritos, fotografias, autógrafos, partituras, cartas e registros particulares de personalidades como o poeta Castro Alves, Antônio Conselheiro (líder social brasileiro), Joana Angélica (freira, mártir, que morreu defendendo o convento da Lapa), Manoel Ignácio da Cunha Menezes (Barão do Rio Vermelho), o historiador Pedro Calmon, o então presidente Getúlio Vargas, dentre outros(as) notáveis.

Tendo “como finalidade a promoção de estudos, do desenvolvimento e difusão dos conhecimentos de Geografia, de História e Ciências afins, além da defesa e conservação do patrimônio histórico e artístico baiano e brasileiro”, a instituição conta também com um acervo museológico, biblioteca que reúne 12 mil títulos (alguns disponíveis para consulta online), cursos, eventos e outros setores, que são abertos à visitação, onde é possível o envolvimento pleno não apenas com o vasto registro histórico e geográfico de nosso estado, bem como nacional.

Anotem o endereço e horários de visitação deste instituto, que é um dos mais antigos do estado.

Endereço:

Avenida Sete de Setembro, nº 94A, Piedade.

Funcionamento:

Visitação: de segunda a sexta, das 13h às 18h

Biblioteca: de segunda a quinta, das 13h às 18 e sexta, das 13h às 17h

Arquivo: de segunda a sexta, das 13h às 17h

Administrativo: de segunda a sexta, das 13h às 18h

Mas, para quem não está aqui em Salvador, ou não irá resistir até o momento de conhecer pessoalmente o IGHB sugerimos que façam uma visita virtual por meio do site oficial, que contém vídeos, áudios, calendário de eventos, serviços e diversas notícias.

Visita Virtual: cliquem aqui!

 

Nossa história é realmente surpreendente, galera!!

Abraços e até a próxima dica!


Recitais homenageiam aniversário de Castro Alves e Dia da Poesia na Biblioteca

Em homenagem ao Dia Nacional da Poesia e ao nascimento do poeta baiano Castro Alves, a Biblioteca apresenta dois recitais poético-performáticos, que acontecem na próxima quinta-feira (15). Castro Alves: a Mulher Musa e a Mulher Poeta integra a programação do projeto Mulher em Cena 2012, que terá atividades até o final de março.
Na primeira parte, sob a interpretação de Marcos Peralta, o público será presenteado com clássicos de Castro Alves, como “Ode ao Dous de Julho”, “O Livro e a América” e “Navio Negreiro”, além de poemas que trazem a mulher como protagonista. No segundo momento, as atrizes Jeane Sánchez, Jocélia Fonseca e Luciana Estrela darão voz a poemas escritos por poetisas brasileiras, com temas que passeiam entre o ato de escrever e a representação da mulher. Não apenas como a musa – objeto de inspiração, a mulher aparece como artista que se inspira, que é sujeito do processo literário. Entre as obras interpretadas, estão poemas de Adélia Prado, Cecília Meireles e Myriam Fraga.
Quando: dia 15/03, às 15h
Onde: Quadrilátero da Biblioteca (térreo)
Quanto: Gratuito

Passatempo Cultural com Atividades Lúdicas em LIBRAS

Ler um livro, ficar informado com os jornais e revistas são atividades de que tem em comum a leitura. Outra forma lúdica de aprendizado é ter em mãos passatempos como Soduko, Caça-Palavras e Palavras Cruzadas.

Os chamados passatempos exercitam a mente de forma divertida fazendo da leitura uma atividade prazerosa. Seja entre um livro e outro, depois de ler um jornal, ou até mesmo para passar o tempo, enquanto espera dar o horário do compromisso, os passatempos são uma ótima pedida.

Na Biblioteca Anísio Teixeira (BAT), localizada à Ladeira de São Bento essas atividades também contemplam as pessoas que tem como oficial a Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS), onde os deficientes auditivos brincam lêem e se divertem.

Segundo Laura Galvão, diretora da BAT, a biblioteca trabalha para um público especial que são os surdos, promovendo encontros, cursos e palestras, além das atividades próprias de uma biblioteca, com um grande acervo de livros para consulta e empréstimos, como também a disponibilização de periódicos para leitura nas instalações. “Promover ações de inclusão social do surdo é uma das prioridades da BAT. São filmes, livros e eventos pensados para esse público, além do público geral”, ressalta a diretora.

Artesanato – A BAT oferece ainda no mês de março, o projeto Comunicação Através das Artes com as Mãos, com a oficineira Dadma de Souza que de forma pedagógica transmite as técnicas da Educação Artística aos surdos.

A oficina de artesanato é gratuita e acontece nos dias 15 e 22 de março sempre das 14h às 16h. Para maiores informações o telefone da BAT é o (71) 3117-6339.

Serviço

Biblioteca Anísio Teixeira – Lad. São Bento

Quando: Passatempo durante todo o mês de março e Oficina de Artesanato 15 e 22.

Horário: das 8h às 16h30 | das 14h às 16h

Quanto: grátis |Contato: (71) 3117-6339

 

Fonte: http://www.cultura.ba.gov.br/2012/03/09/passatempo-cultural-com-atividades-ludicas-em-libras/