Batalhe Pela Independência da Bahia

E aí,  galera, beleza?!

As celebrações do 2 de Julho passaram, mas que tal nos divertirmos um pouco com a nossa história através de jogos digitais?

Para começar, sugerimos o 2 de JulhoTower Defense, que é um jogo baseado nas batalhas pela Independência da Bahia que culminaram no dia 2 de Julho de 1823. Desenvolvido pelo grupo Comunidades Virtuais (UNEB), o jogo apresenta personagens icônicos como Maria Quitéria, Maria Felipa e General Labatut, que marcaram essas lutas. O objetivo consiste em criar uma estratégia, com nossas tropas de militares, índios, escravos e encourados, para impedir o avanço das tropas portuguesas em nosso território. É um jogo muito divertido e desafiador.

Acessem e joguem – Cliquem aqui!

Screenshot_2015-07-01-17-17-58

Outro jogo bem divertido, também com foco na Independência da Bahia, é o Tabuleiro Virtual 2 de Julho.

Esse é um jogo de tabuleiro comum, em que vocês podem jogar com seus amigos e aprender bastante. Cada jogador escolhe um personagem para jogar e, no lugar dos dados, existe uma roleta que após ser girada informará a quantidade de casas que o jogador irá avançar. Em algumas casas, temos que responder questões sobre o 2 de Julho para podermos avançar. O Tabuleiro virtual é um ótimo jogo didático, que favorece o aprendizado, de maneira lúdica com muita diversão.

Todo esse conhecimento fortalece o nosso entendimento de como é importante a união de todos em busca de mudanças e melhorias sociais, não é mesmo? Então, junte a sua turma e vamos aprender e nos divertir, afinal, “Nossa pátria hoje é livre e dos tiranos não será.”

Acessem e joguem – Cliquem aqui!

Tabuleiro_Virtual_2_de_Julho-2

Fontes: 2 de Julho Tower Defense , Tabuleiro 2 de Julho

Anúncios

Uso excessivo da internet

 Olá, pessoal!

A internet e as tecnologias estão cada vez mais presentes em nossas vidas, seja para fazer uma pesquisa escolar ou acesso as redes sociais, o que nos possibilita interação através de textos, vídeos e imagens.

Com esses novos avanços tecnológicos, é necessário ficarmos atentos ao tempo de uso, seja no acesso pelo computador ou dispositivos móveis, já que conectar-se ao mundo virtual integrou, literalmente, os hábitos diários dos jovens.

O uso excessivo acarreta no descontrole e perda da rotina diária, especialmente em relação ao sono e a alimentação, além de limitar e prejudicar a socialização com a família e amigos.

O acesso ao ciberespaço traz benefícios pela interação com pessoas de todo o mundo, possibilita conhecer outras culturas, mas é preciso ter cuidado para não deixar de vivenciar experiências importantes da vida real, além de evitar problemas de saúde como dor na coluna e nas mãos devido a má postura e ao tempo de uso.

Curtiu nossas dicas? Confira o Quiz abaixo e veja se você está utilizando o ciberespaço de forma excessiva.

Captura de tela em 2014-02-10 12:50:10

Então, vamos utilizar a internet de forma segura e saudável? Tenha um tempo livre para o lazer, fazer algum esporte, visitar um (a) amigo(a).

Mobilize a sua turma e faça o uso de uma internet segura.

Abraços!

Fonte: http://new.netica.org.br/adolescentes/quiz-uso-excessivo

 

Palavras Cruzadas – Novembro Negro

Salve, turma esperta!

Que tal aprender brincando? Então testem os seus conhecimentos nas Palavras Cruzadas do PW.

  1. Pastor norte-americano grande defensor da resistência não violenta contra a opressão racial. Por sua militância em defesa da vida, recebeu, em 1964, a mais alta honraria internacional concedida aos pacifistas: o Prêmio Nobel da Paz.
  2. Dramaturgo, poeta e pintor, atuou também como deputado federal, senador e secretário de Estado, autor das obras Sortilégio, Dramas para Negros e Prólogo para Brancos e O Negro Revoltado. Suas grandes conquistas foram a contemplação da natureza pluricultural e multiétnica do país na Constituição de 1988, a criminalização do racismo e os primeiros processos de demarcação das terras de quilombos.
  3. Ícone da resistência negra à escravidão, liderou o Quilombo dos Palmares, comunidade livre formada por escravos fugitivos das fazendas no Brasil Colonial.
  4. Autor das obras Recordações do escrivão Isaías Caminha, Triste fim de Policarpo Quaresma. Destacou-se como jornalista e foi dos mais importantes escritores e militantes negros pós-abolição.
  5. No ano de 1910, sua liderança levou a tripulação da embarcação Minas Gerais se revoltar contra seu comandante, que castigara um dos homens da tripulação com 25 chibatadas. O marinheiro passou a reivindicar o fim dos maus-tratos psicológicos e das punições corporais, liderando assim a Revolta da Chibata.
  6. Principal representante do movimento anti-apartheid, tido pelo governo sul-africano como um terrorista e passou quase três décadas na cadeia. Foi o primeiro presidente Negro da Africa do Sul e comandou o fim do regime apartheid.

    Confiram as respostas:

    *

    *

    *

    Continue Lendo “Palavras Cruzadas – Novembro Negro”

Dia das Crianças – Diversão e Brincadeiras!

Olá, galerinha!

Hoje comemoramos o Dia das crianças, essa é uma data que nos remete à lembranças divertidas e inesquecíveis.

Se engana quem pensa que apenas os brinquedos caros ou até mesmo os tecnológicos que são os responsáveis pela diversão da garotada. Existem maneiras simples de tornar os momentos de lazer mais agradáveis e interativos. Como por exemplo, os brinquedos artesanais, ou os feitos com materiais reutilizados ou o tão famoso caça palavras, não é mesmo?!


Então, embarquem nesse desafio com o PW!

Continue Lendo “Dia das Crianças – Diversão e Brincadeiras!”

O Mágico das Arábias

Olá, turma!

A dica de hoje é para quem curte matemática.

Qual de vocês imaginaram aprender matemática fazendo mágica? Querem saber como isso acontece?

Acompanhem a jovem Fabiana que assiste a um programa de TV no qual um mágico utiliza Sistemas Numéricos para fazer suas mágicas e descobrir os números em que a Fabiana pensa.

Como ele faz isto? Confiram no vídeo.

Então, curtiram o vídeo? Querem saber mais sobre outros conteúdos digitais de matemática? Acessem o Ambiente educacional web!

Ótimos estudos, pessoal!

Onde está o PW? (História)

E aí Galerinha,

O que acham de conhecer um pouco mais a História da cidade do Salvador?

Vocês conhecem o desenho “Onde está Wally?”. Seguindo esta linha, a pergunta é: Onde está o Professor Web?
Na foto, temos o registro de um bairro da cidade no século XVIII e XIX. Então, descubram que bairro é este.
Confiram ainda um pouco da história que a foto traz e as mudanças que ocorreram nesta região.

Mandem suas respostas nos Comentários.

*

*

*

*

*

*

*

*

Então, acharam?

*

*

*

*

*

*

*

*

*

*

*

*

Vou esperar um pouco mais.

*

*

*

*

*

*

*

*

*

*

*

E aí?

*

*

*

*

*

*

*

*

*

*

*

A resposta é…

*

*

*

*

*

*

*

O Campo Grande é um bairro de Salvador. Surgido no início do século XIX em torno da Praça de mesmo nome, sofreu uma série de transformações urbanas no decorrer da sua história. Constitui-se em um dinâmico centro cultural, nomeadamente devido à presença de instituições como o Teatro Castro Alves (TCA) e o Teatro Vila Velha, de importantes colégios e de associações como a “Casa d’Itália” na sua área.

HistóriaA sua origem está relacionada, no contexto da transferência da corte portuguesa para o Brasil, com a passagem da Família Real Portuguesa a Salvador (1808). Diferentemente de bairros mais antigos, neste, as casas foram construídas distantes dos lotes vizinhos e das vias públicas.

A praça do Campo Grande, primitivamente denominada como Campo de São Pedro, viria a ser palco de aguerridos combates durante os eventos que precederam as lutas pela independência da Bahia, já em 1821, dada a vizinhança com o forte de São Pedro, praça disputada pelas vertentes em conflito no seio das tropas: brasileiros e portugueses.

Cortada ao meio por um profundo vale, foi somente ao final do século XIX, no governo republicano de Rodrigues Lima, que a praça foi ricamente ornamentada e recebeu a configuração que hoje ostenta, com monumentos grandiosos encomendados na França, evocando os heróis das lutas pela Independência da Bahia.

No início da década de 1980 o Campo Grande viu-se novamente transformado em palco de batalhas campais, desta feita entre os estudantes, contestando o aumento das passagens de ônibus, ocasião em que foram reprimidos pelas tropas da Polícia Militar, enviadas pelo então governador Antônio Carlos Magalhães (1981). Desde então, tem sido palco das grandes manifestações populares e reivindicatórias – como a gigantesca passeata do “Fora Collor”, dez anos depois.

Características

Com árvores centenárias, situa-se após o chamado “Corredor da Vitória” (parte da Avenida Sete de Setembro, que atravessa o bairro), o Vale do Canela e o Canela, centralizando boa parte dos acessos que conduzem à “Cidade” – como é chamado o antigo centro de ruas comerciais.

Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Campo_Grande_(Salvador)

Não deixem de participar e ajudar com idéias e dicas.

Onde está o PW? (História)

E aí Galerinha,

O que acham de conhecer um pouco mais a História da cidade do Salvador?

Vocês conhecem o desenho “Onde está Wally?”. Seguindo esta linha, a pergunta é: onde está o Professor Web?
Na foto, temos o registro de um bairro da cidade no século XVIII e XIX. Então, descubram que bairro é este.
Confiram ainda um pouco da história que a foto traz e as mudanças que ocorreram nesta região.

Mandem suas respostas nos Comentários.

E ai, acharam? Então vou deixar vocês olharem mas um pouco.

*

*

*

*

*

*

*

*

*

*

*

*

Depois de olharem, acharam? Ainda nada? Olhem de novo.

*

*

*

*

*

*

*

*

*

*

*

*

Acharam? humm, nada? Vamos dar uma dica, mas antes olhem só mais uma vez.

*

*

*

*

*

*

*

*

*

Vejo que estão muito ansiosos, vou dar a dica, ele está com uma roupa PRETA e BRANCA, acharam?

*

*

*

*

*

*

*

*

Já que acharam, ai vai a resposta.

*

*

*

*

*

*

*

*

*

*

*

*

Opá, esqueci de falar, Acharam?

*

*

*

*

*

*

*

*

*

*

*

*

*

*

*

*

Depois de achar o PW, vocês descobriram que bairro é esse?

Vamos dar uma dica, ele é muito famoso. Então descobriram?

*

*

*

*

*

*

*

*

E ai, é a Suburbana?

*

*

*

*

*

*

*

*

*

*

Não, pesquisem um pouco mais.

*

*

*

*

*

*

*

*

*

*

*

Descobriram? Parabéns, segue a resposta.

*

*

Salvador foi transformada em sede de diocese já em 1551, apenas dois anos após a fundação da cidade pelo governador-geral Tomé de Sousa. Em 1552, ao chegar à Bahia, o bispo D. Pero Fernandes Sardinha utilizou como Sé a Capela de Nossa Senhora da Ajuda, construída pelos jesuítas com taipa e cobertura de palha. Essa primeira catedral é, devido a sua precariedade, apelidada Sé de Palha.

Uma nova sé-catedral começou a ser erguida ainda na época de Tomé de Sousa numa zona fora dos muros da cidade, onde também os jesuítas instalavam seu colégio e igreja definitivos. Essa zona foi também logo cercada por um muro, necessário devido às ameaças de ataque dos indígenas e de outros europeus. Não se sabe exatamente quando foi começada nem terminada, mas em 1570 o governador Mem de Sá informa que a reconstruiu em pedra e cal, com uma planta de três naves.

Ao longo de todo o século XVIII, vários documentos indicam que a Sé tinha sérios problemas de conservação. Então, em 1761, os jesuítas foram expulsos da colônia, e seu colégio e magnífica igreja ficaram vazios. Numa carta ao arcebispo D. José Botelho de Matos, datada de 1765, o rei José I ofereceu-lhe a igreja jesuíta de maneira interina até que a Sé fosse restaurada. Essa situação provisória, porém, continuou até os dias de hoje.

Nos inícios do século XIX, a fachada ameaçava ruína e foi refeita a muralha em frente à fachada, para tentar impedir a caída das torres. O muro acabou ruindo, o que levou à demolição preventiva das torres e grande parte da cantaria da fachada. O enorme edifício, descuidado pelas autoridades eclesiásticas, foi entregue a uma irmandade religiosa, a do Santíssimo Sacramento da Sé, que realizou uns poucos trabalhos de manutenção, inclusive substituindo alguns retábulos no interior.

No dia 07 de agosto de 1933, após anos de debates e grande polêmica, a antiga Sé da Bahia foi demolida junto com dois quarteirões de edifícios do centro histórico. A demolição foi realizada numa época – o começo do século XX – em que o centro de Salvador passava por muitas reformas urbanísticas, e o objetivo da destruição dos edifícios coloniais foi dar lugar aos trilhos dos bondes da Companhia Linha Circular de Carris da Bahia.

O espaço criado deu origem à Praça da Sé, que inicialmente abrigava os bondes da Companhia. Como homenagem a seu significado religioso e histórico, em 1956 foi colocado na Praça um busto de bronze de D. Pero Fernandes Sardinha, primeiro bispo do Brasil e impulsor da construção da primeira catedral. Em 1999, onde se localizava o adro da Sé, foi levantado o monumento Cruz Caída, criado em aço inox pelo escultor Mário Cravo, em memória da destruição do histórico edifício.

Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/S%C3%A9_da_Bahia_(antiga)

Caça Palavras PW – Português

E ai, galerinha! Beleza!

Continuando as nossas comemorações ao mês dos Estudantes.

Vamos para o nosso terceiro desafio, no qual iremos aprender com Português.

As respostas estão no caça palavras, descubra qual coluna e linha estão.

1- Nas classes gramaticais de palavras  nomeia as coisas que existem. DOUTOR  é classificada como:

Um homem foi ao médico dizendo que estava com um problema de memória.
-Sabe, Doutor, às vezes uma pessoa acaba de me contar algo e logo esqueço.
– E desde quando o senhor sente isso?
– Isso o quê?

2- Antiga dá uma qualidade a palavra profissão, então classificamos ela como:

Três homens estavam discutindo qual era a profissão mais antiga do mundo: O marceneiro disse: – Quem vocês acham que fez a Arca de Noé? O jardineiro rebateu: – E quem vocês acham que regou o Jardim do Éden? Finalmente, o eletricista falou: – Quando Deus disse “Faça-se a luz!”, quem vocês acham que passou a fiação?

3- A palavra não, se associa ao verbo caiu nesta oração, logo NÃO é um:

Dois frangos estavam voando e de repente um falou:
– Espera aí, frango não voa. – E logo em seguida caiu.
Por que o outro não caiu?
– Porque ele era frango à passarinho.

 4- Como classificamos a palavra encontrei?

Um homem liga desesperado para uma loja de animais e pergunta:
Como faço para conseguir 10 mil baratas?
O vendedor responde:
– Mas o senhor quer 10 mil baratas pra quê?
– Porque o prazo do meu aluguel está acabando e o contrato diz que eu tenho de entregar a casa como a encontrei…

5- A palavra grifada deixa claro a quantidade de mulheres, logo ela é um:

Joãozinho pergunta pra sua professora: Três mulheres estavam tomando sorvete, qual delas era casada?  Ela responde: – Não sei, qual é? – A que estava usando aliança, diz Joãozinho.

Colaboração da Professora Cristiane Britto

Caça palavras do PW – História

E ai, galerinha! Beleza!?

Continuando as nossas comemorações ao mês dos Estudantes.

Então, vamos ao nosso segundo desafio do mês!

1- Qual a capital da Bahia?

2- Quando comemoramos a Independência da Bahia?

3- Como é o nome do Representante da República Federativa do Brasil?

4- Qual bairro que durante a época colonial, ali passava a Estrada das Boiadas?

5- Quem foi escolhido por Dom João III para ser o primeiro governador-geral do Brasil?

6- Quem foi o primeiro donatário da Capitania Hereditária da Bahia?

7- Quem foi o naufrago Português que conviveu com Índios Tupinambás na Bahia no Seculo XVI?

Para responder siga o Exemplo:

Resposta da questão 1:

5C á 5J ou 5c á j = SALVADOR

E ai galera, vamos aprender se divertindo!


Colaboração do Professor Antonio Lazáro