Mais um papinho sobre a redação do Enem…

Oi, turma! Tudo bem? Na segunda-feira passada, o blog falou sobre a redação do Enem, destacando o Guia do Participante, elaborado pelo Ministério da Educação (MEC). Hoje, vamos focar em algumas dúvidas que, talvez, você tenha.Vamos lá?

  • É obrigatório colocar título na redação?

Não é. Na página 9 do Guia, o MEC coloca a seguinte observação: “O título é um elemento opcional na produção da sua redação e será considerado como linha escrita”. Contudo, reflita: quando você passa por uma banca de revista ou acessa um site de notícias, o que é que chama a sua atenção para ler o conteúdo completo? Se você pensou no título, acertou! Ele serve de chamariz para que o leitor se interesse pelo texto. Então, use isso a seu favor. Crie um título criativo e coerente com a temática e abordagem da sua redação.

  • Quais são os critérios utilizados pelo MEC para atribuir nota zero a uma redação?

São vários critérios. De acordo com as recomendações do MEC, o texto que fugir do tema, apresentar apenas sete linhas, não obedecer à estrutura dissertativo-argumentativa, contiver formas propositais de anulação e desrespeitar os direitos humanos será desconsiderado. Além disso, se o candidato deixar a folha de redação em branco, mesmo que o texto esteja completo na folha de rascunho, receberá nota zero.

PW-dica-enem-linguagens-codigos

Não. Os brasileiros passariam a usar, obrigatoriamente, as novas regras em 1° de janeiro deste ano. Porém, um novo decreto ampliou o período de implantação do Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa no país para 1º de janeiro de 2016. Ate lá, coexistirão a norma em vigor e a norma proposta pelo Acordo. Portanto, nenhum candidato é obrigado a escrever a redação seguindo o que está previsto no texto do Acordo Ortográfico.

  • O candidato pode copiar trechos dos textos motivadores na sua redação?

Não. Os textos motivadores, como o próprio nome já diz, servem para motivar; estimular o candidato a refletir sobre o tema. Eles direcionam o debate proposto na redação. Não devem, em hipótese alguma, ser copiados no corpo do texto.

Anotou tudo direitinho? Então, até o nosso próximo encontro!

Anúncios
This entry was posted in Áreas do Conhecimento, ENEM, Linguagens e códigos, Literatura, Português, RSCJ and tagged , , , , , , , , by Raulino Júnior. Bookmark the permalink.

About Raulino Júnior

Raulino Júnior é professor de língua portuguesa da rede estadual de ensino da Bahia, especialista em Estudos Linguísticos (UEFS, 2008), jornalista e produtor cultural. Formou-se em Letras Vernáculas pela Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS, 2006) e em Jornalismo (2014) e Produção em Comunicação e Cultura (2016) pela Faculdade de Comunicação da Universidade Federal da Bahia (Facom/UFBA). Compõe desde a adolescência e, com a música "Mudanças", ficou em 3º lugar no 1º Festival de Música do Servidor Público, promovido pela Secretaria da Administração do Estado da Bahia (SAEB), em 2013. É autor do "Desde que eu me entendo por gente", blog de experimentações jornalísticas com ênfase em jornalismo cultural, integrante da produtora "Contramão Comunicação e Cultura", idealizador e apresentador do "Monotemático", programa de entrevistas com autores de Trabalhos de Conclusão de Curso (TCCs). Desde 2013, integra a equipe de professores da Rede Anísio Teixeira, programa de difusão de mídias e tecnologias educacionais da Secretaria da Educação do Estado da Bahia.

One thought on “Mais um papinho sobre a redação do Enem…

  1. Pingback: Tema é uma coisa; título, outra: vamos distinguir? | Professor Web

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s