Mapeamento de Câmera

Oi, pessoal! Hoje, vamos falar sobre o desenvolvimento de cenários em 3D.

A criação de cenários é uma tarefa trabalhosa e desafiadora; pois, além de envolver um grande número de objetos em sua área de trabalho, organizá-los de forma harmoniosa, que siga a lógica de perspectiva proposta pela câmera, se torna um desafio ainda maior.

 Há uma técnica conhecida como Camera Mapping, que é amplamente utilizada no desenvolvimento de cenários e objetiva reproduzir em 3D o cenário de uma fotografia ou vídeo.

 O usuário deve ter uma fotografia ou vídeo de um cenário qualquer que ele queira. O objetivo é criar malhas que simulem as formas da imagem para, em seguida, projetar a própria imagem sobre essa malha.

Os objetos utilizados em cena devem estar alinhados com os objetos da fotografia ou vídeo. É importante que a câmera utilizada no 3D esteja configurada com valores iguais aos da câmera que fotografou ou filmou a imagem, tanto em ângulo quanto em distância focal, entre outros parâmetros.

 As malhas criadas em 3D não possuem cor e nem características reflexivas em suas superfícies, essas características são atribuídas pelos usuários, configurando assim mais uma etapa complexa de uma produção em 3D. Porém, com o recurso de mapeamento de câmera, todo o cenário criado é colorizado com a própria imagem. Ela forrará todos os objetos como se fosse um adesivo. O efeito é como se tivéssemos tridimensionalizado a imagem em questão.

 Confiram no vídeo abaixo, uma rápida demonstração do recurso.

Até a próxima, turma!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s