Circuito virtual inicia programação da Semana Nacional de Ciências

Os estudantes de Salvador estão cada vez mais conscientes da importância de mudanças de atitudes para ajudar na preservação do planeta. A opinião é da professora Ana Denise Alves, do Colégio Estadual Suzana Imbassahy, no Barbalho, ao participar, nesta segunda-feira (10), no Multiplex Iguatemi, em Salvador, do lançamento do circuito virtual da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT).

Com o tema Mudanças Climáticas, Desastres Naturais e Prevenção de Riscos, o evento é uma iniciativa da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado da Bahia (Secti) e do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação e lotou uma das salas do complexo de cinema, com professores, coordenadores e diretores de escolas públicas e particulares.

Professora de Ciências, Ana Denise informa que a escola onde atua desenvolve, ao longo do ano, um trabalho interdisciplinar sobre educação ambiental. “Acho muito importante o debate desse tema para alertar os jovens sobre essas ocorrências”, afirmou.

Desafios

Além de professores, diretores e coordenadores escolares, o circuito contou com a presença dos secretários estaduais Paulo Câmera, titular da Secti, e Osvaldo Barreto, da Educação, e também de representantes da Secretaria Municipal de Educação, da capital.

Durante o evento, a plateia assistiu a um trecho da série “Mudanças Climáticas”, que consiste em quatro vídeos de 20 minutos cada, com plano de aula para alunos do 8° e 9° ano do Ensino Fundamental II. Participam dos vídeos educativos, oito dos principais cientistas brasileiros, abordando os novos desafios do planeta terra.

Os participantes levaram para suas escolas uma cópia dos vídeos para replicar com os alunos. A professora de Biologia e Ciências, Adalzira Borges, do Colégio Estadual Raphael Serravale, na Pituba, em Salvador, elogiou também a iniciativa do Governo do Estado.

Segundo ela, os alunos estão razoavelmente bem informados sobre o tema, mas falta ainda uma mudança de conduta, como a opção pelos produtos biossustentáveis, o uso de sacolas retornáveis nos mercados e a separação do lixo. “O planeta é como se fosse nossa casa e precisamos cuidar bem dele para as próximas gerações”, disse a professora.

Esforço conjunto

O secretário Paulo Câmera destacou o esforço conjunto com a Secretaria da Educação para multiplicar a temática da preservação do planeta. “Com a orientação do governador Jaques Wagner, estamos iniciando um novo ciclo de desenvolvimento na Bahia e vamos fortalecer cada vez mais a educação dos jovens”.

O secretário se referiu a convênio recente firmado entre a Secti, o Senai e a Microsoft para capacitar, gratuitamente, 10 mil estudantes baianos nos próximos quatro anos para o mercado de Tecnologia da Informação.

Na oportunidade, ele convidou os professores para a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, que será realizada de 17 a 23 deste mês, no Shopping Iguatemi, e para o Circuito Universidades e as visita aos bairros, dos ônibus do Projeto Ciência na Estrada – Educação e Cidadania.

O secretário da Educação, Osvaldo Barreto, enfatizou que a escola é o local ideal para estimular as crianças e os jovens para o conhecimento científico. Disse ainda que as universidades também precisam ser envolvidas nesse processo, para que os estudantes de graduação e pós-graduação possam replicar o tema.

Fonte:http://www.comunicacao.ba.gov.br/noticias/2011/10/10/circuito-virtual-inicia-programacao-da-semana-nacional-de-ciencias

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s